Primeiro casamento homoafetivo de Boa Saúde é do Córrego de São Mateus.
Casamento de Tieta e Seu Zeca
Na noite deste sábado, 19/07, foi registrado no Cartório Extra Judiciário de Boa Saúde a união estável homoafetiva dos senhores José Vicente Filho (Seu Zeca) e Arnaldo Soares da Silva, Arnaldo mais conhecido por Tieta.
No Cartório
Este casamento é o primeiro do município de Boa Saúde e da Comarca de Tangará. Tieta e Seu Zeca, como são mais conhecidos, são pessoas muito queridas e respeitadas por todos os moradores da comunidade.
Assinando
"Já estamos juntos há mais de 17 anos e já tá mais do que na hora de a gente se ajeitar como manda a lei. Eu gosto dele e ele de mim e depois de todos esses anos é somente ele e eu". Disse Tieta, contando um pouco de sua vida a qual foi cheia de grandes desafios.

"Apesar de a história deixar falhas quando se fala de igualdade de direito, agora um dos mais polêmicos prova que “Direito é para ser respeitado. Os mesmos são queridos por todos os moradores, o que mostra o quanto as pessoas deste distrito evoluíram com o tempo deixando o preconceito e as diferenças de lado e aceitando-os como seres humanos independentemente de sua opção sexual, reconhecendo que estes merecem ser tratados com dignidade e respeito. Parabéns pela iniciativa de assumirem seu relacionamento oficialmente, rompendo mais um dos tabus existentes e incentivando outros casais a fazerem suas escolhas e caminhos em busca da felicidade sem preocupar-se com o que os outros venham a pensar". Expressou, muito feliz a testemunha de Tieta, Rosângela Vechi.
Tieta
O casamento foi registrado no Cartório Extra Judiciário de Boa Saúde, pelo Juiz de Paz Alex Sandro Bernardo, às 18hs deste sábado.
Troca de alianças

Presentes

Chegada da noiva

Troca de alianças

Troca de alianças

Tieta e Seu Zeca

Tieta
Testemunhas

Testemunhas

Testemunhas

Testemunhas


Casados

Chegando em casa

Fotos cedidas gentilmente

Postar um comentário

travesti4.5@hotmail.com disse... 21 de julho de 2014 20:56

fico muito feliz, de ver que aos poucos as pessoas, vao aprendendo a respeitar a individualidade de cada ser humano, isso mostra que o mundo ainda se tem uma esperança, mesmo que la no fundo do tunel, todo ser humano deve ser feliz, independente de raça, cor, sexo, condiçao financeira e etc. desejo felicidades ao casal.MARY PINHEIRO.

 
Top