Considerações finais do livro Boa Saúde - Origem e história


Com este livro esperamos contribuir para que os habitantes e, principalmente, as gerações do hoje e do futuro, do Município de Boa Saúde, conheçam melhor as suas origens, a sua história e participem da vida do município, de maneira mais consciente, contribuindo para o seu desenvolvimento.

Livro Boa Saúde, Origem e história
Durante o trabalho de pesquisa, mantivemos um contato mais direto e permanente com as pessoas, contatamos com as autoridades do município, consultamos documentos, visitamos instituições e lugares de interesse para o trabalho que nos propomos realizar. Tudo isso nos possibilitou um maior conhecimento da história do município, permitindo-nos trazer para o presente um passado que vinha se apagando da memória dos moradores mais antigos e das páginas de alguns documentos, envelhecidos pela ação do tempo.

Escrever este livro não foi tarefa fácil. Não teríamos atingido nosso objetivo sema nossa obstinação, sem a colaboração do poder público e a participação de muitas pessoas que, pacientemente nos receberam, ofereceram o seu saber e nos deram incentivo e apoio.

Agradecemos mais uma vez que, direta ou indiretamente, colaboraram para que alcançássemos o nosso objetivo. Concluímos fazendo algumas considerações e oferecendo sugestões, no sentido de contribuir para um maior conhecimento e oferecendo sugestões, no sentido de contribuir para um maior conhecimento da história do Município, a preservação do seu patrimônio e o resgate das suas tradições e manifestações culturais:

A memória de pessoas ligadas aos diversos setores de atividades e que fazem parte da história de Boa Saúde vem sendo preservada pelo poder municipal, como nomes de ruas, praças, prédios públicos e instituições. Neste sentido, sugerimos, principalmente, aos senhores vereadores, que sejam lembradas e incluídas outras pessoas que também merecem receber esse tipo de homenagem. Quanto às denominações de lugares como Xique-Xique I e Xique-Xique II, ao invés de algarismos romanos, poderiam ser distinguidas por sobrenomes de famílias mais antigas e representativas das comunidades.

Os poucos prédios antigos existentes no município, de propriedade privada ou pertencentes ao poder público precisam ser preservados e bem conservados. Eles constituem um patrimônio histórico que tem muito haver com o passado do município, a exemplo dos antigos prédios da Prefeitura e da Câmara Municipal, que, uma vez restaurados, poderão servir com o locais para instituições ligadas a cultura.

As tradições, o folclore e o artesanato precisam ser resgatados e valorizados como manifestações da cultura do povo, na nossa opinião, a partir da escola, com o incentivo do poder público e o apoio da comunidade, favorecendo o ressurgimento de folguedos populares como: o João Redondo e o boi-de-reis.

A festa da padroeira, realizada todos os anos, nos dias 01 e 02 de fevereiro, é a principal e mais antiga tradição do município, constituindo um dos eventos de grande religiosidade popular na Região do Trairí. Como tal, merece ser prestigiada por todos os setores da sociedade, inclusive o poder público, como um acontecimento capaz de mobilizar a população da cidade e dos sítios em torno de valores como: solidariedade, participação e integração comunitária.

O conteúdo do ensino de História nas escolas públicas pouco possibilita o conhecimento da história dos municípios. Esperamos que, a partir da edição deste livro, esta lacuna seja preenchida no currículo das escolas de Boa Saúde, suscitando, na juventude, um maior sentimento de amor a sua terra.

Nosso objetivo foi alcançado, mas não nos daremos por satisfeitos se o destino deste livro for a prateleira de uma estante. Nosso desejo é que cada exemplar passe de mão em mão, seja lido e assimilado por pessoas de todas as idades, principalmente pelas mais jovens, incentivando o debate e o estudo sobre a história do Município.

Concluímos o conteúdo deste livro, mas não esgotamos nem damos por encerrado o assunto. Certamente, ainda há muito o que pesquisar, conhecer, complementar e assim aumentar em cada um e em todos nós, o sentimento de amor à terra em que nascemos ou escolhemos para nela viver.

Boa Saúde, 06 de outubro de 2000
José Ali de Souza
Maria de Deus Souza de Araújo

Página 183

O texto foi extraído do livro Boa Saúde: Origem e história escrito por José Alai e Maria de Deus. Algumas imagens são dos blogs que José Alai mantinha. O objetivo dessa postagem é tão somente conservar nossa história.

Postar um comentário

 
Top